Turning Point

Abril 18, 2016 15:44
Mais curtas
0
Views
   

A grande recompensa de escrever para o Curta & Meia é encontrarmos aquelas curtas que são autênticas lufadas de ar fresco. Curtas que nos ensinam algo, curtas em que compensa prestar atenção ao detalhe. Tal é o caso de Turning Point.

Foi extremamente recompensador chegar ao fim desta fabulosa curta-metragem e rever os belíssimos pormenores, tanto de enredo como de execução. É exatamente nesses pormenores em que me irei focar.

Talvez o detalhe mais evidente e marcante sejam os planos contínuos, um pouco presentes por toda a curta. Alguém se lembrou de Iñárritu e o seu incrível Birdman? Bem a esse estilo, em Turning Point podemos ver este tipo de sequências contínuas perfeitamente executadas. No entanto há aqui um pormenor interessante: durante estes planos, a mesma personagem é vista ao mesmo tempo. Transmite efetivamente a ideia de várias linhas temporais numa só. O espectador fica com a ideia de que muito tempo passou. Esta técnica encaixa como uma luva numa curta-metragem uma vez que não existe muito tempo disponível para representar este tipo de ideias.

Quanto ao enredo, à primeira vista pode parecer linear mas desenganem-se. Grande parte da curta revolve em torno do desespero de Victoria, a personagem principal. No entanto, tal como o título nos indica, existe um plot twist subtil no final: [SPOILER ALERT] Victoria descobre a cura para a sua doença acidentalmente. No entanto, achei brilhante a forma como a curta acaba de forma aberta. Cabe à imaginação do espectador decidir se descobrir cura valeu a Victoria a sua vida ao não.

Não podemos ignorar a caracterização. A doença de Victoria está perfeitamente caracterizada: desde o acting de Jade Harlow, realçado pela excelente maquilhagem e fotografia. Toda ambiência da curta está extremamente bem executada.

De forma resumida, Joe Penna, o multi-facetado realizador de Turning Point, está de parabéns, assim como toda a sua equipa. Esta curta metragem é um must-see. Se tal existisse, esta curta levava com um valente carimbo de qualidade Curta & Meia.

Vale muito a pena ver o making of em https://www.youtube.com/watch?v=XKhNqRR2Mk8

Sobre o autor do artigo
- Músico, compositor e licenciado em informática mas acima de tudo um curioso amante de todas as formas de expressão, vulgarmente chamadas de "arte".